segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Os 10 mandamentos do Sistema Imunológico, capítulo 1

A má alimentação e o nosso comportamento abrem a porta para o extremo da falta de saúde: a doença. A Endometriose foi o exemplo de doença utilizado no artigo anterior.

A queda do sistema imunológico é a via por onde esse processo se inicia, e o consumo de determinados alimentos - denominados Xenoestrógenos - agrava essa situação, daí a importância de se considerar uma alimentação baseada em cereais, legumes, sementes, oleaginosas, frutas e buscar carnes, aves e derivados do leite de procedência, de preferência orgânicos.

Se você ainda não leu, dedique um minuto para entender esse fenômeno hormonal: I - Endometriose, o Sistema Imunológico e a Alimentação.

Ingerir os alimentos corretos é uma atitude necessária para cultivarmos a saúde. Não estamos falando aqui de dietas e perdas de peso ou de composições nutricionais simplesmente. Muito menos de milagres.

Nosso intuito é mostrar que pequenos hábitos diários transformam nossa vida como um todo. Conquistamos bem estar, ficamos livres de doenças e consequentemente somos pessoas mais felizes. O Alimento tem esse poder. Estar no peso faz parte da saúde, então, uma coisa puxará a outra, basta você perder a neura e iniciar sua caminhada rumo à alimentação saudável. 

Com um trecho retirado do livro “Os 10 Mandamentos do Sistema Imunológico” este artigo lhe mostrará, por intermédio da estória de Steve, um ser humano fictício, como as circunstâncias imuno-depressivas que encontramos todos os dias enfraquecem ou fortalecem nosso Sistema Imunológico.

Dividiremos o artigo em 5 capítulos que serão publicados no decorrer da semana, finalizando na sexta. 


Recentemente, cientistas descobriram que o funcionamento saudável do nosso sistema imunológico depende de nosso comportamento.

Alguns hábitos e atitudes claramente enfraquecem a resposta imunológica, enquanto outros a fortalecem. Em outras palavras, o fato do nosso sistema imunológico vencer a doença ou ser derrotado por ela, depende em ampla medida, do como vivemos.

Ao espiar mais profundamente no mundo das células e dos mensageiros químicos, encontramo-nos frente a frente com os poderes curativos do corpo – o que atualmente chamamos de sistema imunológico humano.
 

Introduza em sua vida os fortalecedores do sistema imunológico
Todos os fortalecedores do sistema imunológico se combinam para criar um bom ambiente para a saúde nas trincheiras – o sangue e os tecidos onde as guerras são travadas. Nossos tecidos podem ser considerados uma reserva na qual as células imunológicas podem retirar antioxidantes, minerais e nutrientes especiais, quando for preciso. 
Nosso sistema imunológico necessita de uma gama de nutrientes para responder eficazmente a um agente agressor. Além disso, ele precisa funcionar num ambiente que não esteja poluído por hormônios prejudiciais ou quantidades excessivas de gordura e colesterol. 

Portanto, ao invés de nos concentrarmos exclusivamente em certos nutrientes individuais, precisamos também olhar o quadro como um todo, que é a necessidade de mantermos um ecossistema rico e saudável em nossos tecidos. Por isso, o que fazemos num determinado dia tem menos importância do que aquilo que fazemos constantemente, em longo prazo. 
Se estivermos ingerindo alimentos saudáveis que incluem muitos fortalecedores do sistema imunológico, se estivermos lidando eficazmente com o estresse e mantendo uma vida equilibrada no trabalho e nos relacionamentos, os desvios esporádicos de nosso estilo de vida não nos afetarão muito. Mas se privarmos o nosso corpo do que ele precisa, numa base constante, estaremos correndo riscos.

Vejamos como essa informação funciona na prática, na vida de Steve, um ser humano fictício. Ele vivenciará as circunstâncias imuno-depressivas que encontramos todos os dias. Felizmente ele leu algumas coisas sobre os fortalecedores do sistema imunológico e adotou um estilo de vida apropriado. Eis como esses fortalecedores produzem a diferença entre manter-se saudável e ficar gravemente doente.   
O Sistema Imunológico de Steve 
Steve é um homem de quarenta anos de idade, de saúde e compleição medianas. É casado com Sally. Juntos eles têm dois filhos em idade escolar, e um cão. Steve e Sally interessam-se pelas práticas de melhoria da saúde, e realizaram mudanças em seus estilos de vida para se protegerem contra as doenças. 
Entretanto, como para Steve grande parte do que acontece em seu interior é invisível, ele não sabe quão poderosas essas mudanças são de fato, para protegerem-no das doenças. Ele está prestes a obter um dos maiores benefícios proveniente da melhoria de seu estilo de vida, apesar de nunca chegar a saber disso. 
Hoje Steve vai se deparar com muitas das substâncias típicas que deprimem o sistema imunológico; de fato, a maioria de nós se depara com esses fatores cotidianamente. Ele será inclusive exposto à bactéria da tuberculose (TB). Enquanto tudo isso estiver acontecendo, acompanharemos os eventos dentro de Steve e veremos como essas ações fortalecem ou deprimem sua resposta imunológica diante de uma série de antagonistas. 
Ao nascer de cada dia da semana, Steve e sua família se levantam para tomar um saudável café da manhã, frequentemente com aveia ou outro cereal ou grão, torradas e geléia. Steve e sua mulher costumam tomar café preto. É segunda-feira, e estão todos atrasados e correndo para os seus destinos: Steve e sua mulher Sally para os seus empregos, Heather e Kelly, as crianças, para suas salas de aula da sexta e da quarta séries. 
Infelizmente, na casa deles o cereal acabou durante o final de semana, por isso todo mundo só comeu torradas com manteiga e engoliu um pouco de café preto ou suco. O pão de trigo integral é uma boa escolha, mas a manteiga no pão não é. E além disso, Sally coloca creme em seu café, enquanto Steve toma o dele puro, sem nada. Assim como a manteiga, o creme é muito gorduroso.
Gordura, radicais livres e o Sistema Imunológico de Steve 
Steve e sua família começaram o dia com uma pequena porção de manteiga, que é produtora de radicais livres. Felizmente os membros da família não consomem grandes quantidades de gordura, o que reduz o impacto da gordura em seus sistemas imunológicos. 
Uma fração reduzida de seus macrófagos pode ficar temporariamente inerte, mas o colesterol e os triglicérides (ácidos graxos do sangue) estão baixos, portanto a manteiga tem pouco impacto em seus sistemas imunológicos. Antes de saírem de casa correndo eles pegam as marmitas da geladeira e colocam-nas nas mochilas que depois são presas às costas. 
Steve e Sally entram no carro e vão para o trabalho...

A estória de Steve continua amanhã e finaliza na quarta-feira (21/01). Acompanhe como cada uma das situações que enfrentamos diariamente impacta o nosso sistema imune.

Ao final da estória - na quinta e sexta (22 e 23/01) - publicaremos Os 10 mandamentos do Sistema Imunológico e você verá como é simples virar o jogo.


Enquanto isso, veja que divertido o baralho educativo da Nova Escola para você aprender junto com seus filhos sobre o funcionamento do Sistema Imunológico: http://www.gentequeeduca.org.br/planos-de-aula/o-sistema-imunologico-e-defesa-do-organismo


Que tenha uma ótima semana e pense sempre naquilo que lhe alimenta!


Jana Favato
Alimento e Você
@alimentoevoce
facebook.com/alimentoevoce


Fonte: Os 10 Mandamentos do Sistema Imunológico. 2 edição – São Paulo: Editora Ground, 2008. Copyright 1998 Elinor Levy e Tom Monte. Elinor Levy possui PhD em biofísica e fez treinamento de pós-doutorado em pesquisas sobre Aids e o vírus HIV e ensina imunologia na Escola de Medicina da Universidade de Boston. Tom Monte é pesquisador em ciência e saúde e autor de Best-sellers sobre medicina e câncer. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário